Blog pessoal de Ana Paula Motta

Terça-feira, 31 de Março de 2009
</embed>
Water Effect by Crazyprofile.com
Quando o dia é muito pesado de carregar e termina com uma tempestade daquelas a imagem de um fogo de lenha aquece a alma...
tags: ,
publicado por Ana Paula Motta às 21:05
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito

Sábado, 28 de Março de 2009


Como acordei um tanto melodramática...meloclimática, talvez por conta do cinza do dia...

Sapatinhos Vermelhos...



tags:
publicado por Ana Paula Motta às 18:57
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 23 de Março de 2009

Plena em lua...

lua

De lua. Quando alguém anda meio descompensado psicologicamente dizem que está “de lua” ou pior que é “de lua”.

Acho que todos temos nossas fases “de lua”, no bom e no mau sentido.

Falemos do bom sentido. O que é estar de lua? Acho que pra mim é estar em plenitude, sorvendo a vida pelas narinas, vibrando em boa sintonia com o mundo, numa harmonia rara, mas possível.

Acho que estar plena em lua é cantar pela manhã sem que tenha muita explicação, é ter a alma aos pulos naturalmente, é sentir aromas antes despercebidos. É gostar de viver.

È ter certezas que brotam não sei de onde, acho que é se sentir feliz. Estado portando não vulgar, bem-vindo e que deve ser saboreado como o doce preferido, devagar não devorando vorazmente. De-li-ci-a-do.

Plena em lua. Delícia da vida.

Observação intracósmica

Hoje olhei pro céu

Vi uma coisa diferente

Tinha lua. Redonda, bem cheia

E estrela

A coisa diferente:

Tinha uma lua em mim.

Carla Guedes

Esse texto conheci no Livro Verso in`verso (presente da professora Zenilda Guedes),a autora é uma “menina” macaense de apenas 20 anos.


3 comentários

tags: ,
publicado por Ana Paula Motta às 11:22
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 17 de Março de 2009




"Femme dans le Jardin à Argenteuil" (Mulher no Jardim em Argenteuil) 1867; óleo sobre tela - Claude Monet



no meio da minha manhã
tinha uma flor
ali, bem no peitoril da janela
molhada de brisa
deixada pra mim.
o vento me trouxe uma flor
e se fez maio em minha manhã...


publicado por Ana Paula Motta às 23:29
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sábado, 14 de Março de 2009


Desejo

Queria descobrir onde está a chave do baú onde guardei meus sonhos de menina.

Sonhos guardados junto a desenhos de casinha (daquelas com chaminé, sol sorrindo e árvore no jardim), livros de contos de fada (aquele da Chapeuzinho Vermelho carregando um potinho de mel que minha irmã rasgou), cavaleiro andante me fazendo a corte quando já mais crescida.

Gosto de amora colhida na silva, de pastel de nata da terra da minha avó.

Cheiro de terra depois da tempestade rápida, de orvalho nas folhas do jardim florido. Cheiro de maio de manhãzinha.

Onde guardei? Há manhãs onde encontro a chave, as respostas, encontro os sonhos. São manhãs de meia-estação. Dessas assim mágicas que surgem suaves, trazendo vida plena.

Depois de manhãs assim, durmo cheia de certezas, plena em lua, repousando e sonhando no travesseiro azul.

São dias-estrela...

publicado por Ana Paula Motta às 20:10
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito

Terça-feira, 10 de Março de 2009

Mas eu, Senhor!... Eu triste abandonada
Em meio das areias esgarrada,
Perdida marcho em vão!
Se choro... bebe o pranto a areia ardente;
talvez... p'ra que meu pranto, ó Deus clemente!
Não descubras no chão...

(Castro Alves - Vozes D'África)
publicado por Ana Paula Motta às 23:16
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sábado, 7 de Março de 2009

O Luís me passou esse desafio e não digo que não...

No livro que tenho mesmo à mão (Poesia Completa), Mário Quintana, na página 421 a 5ª frase completa:

“Fecha-se a porta do poema e saio para a rua:”


Frase não sei se oportuna, não sei se adequada.

Talvez fechando o poema fosse completá-lo no meu bloco de notas meio roxo meio rosa ou quem sabe sonhá-lo no travesseiro azul.

E o desafio segue para:

Natália Augusto

Pinguim

Rodrigo Rosselini

Neto Cordeiro

Ivan Mota

Pedro Mota



tags: ,
publicado por Ana Paula Motta às 23:47
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

Quarta-feira, 4 de Março de 2009

Um dia insuportavelmente quente, a taxa de juros, um calo no pé, as contas de início de ano, a crise mundial.
Caminhava atormentada por essas questões num dos lugares mais feios do mundo ( a Avenida Visconde do Rio Branco, nossa fétida Beira Valão, próximo a decrépita Rodoviária Velha) quando no meio do caos urbano surge um som de assobio.
Me virei para descobrir quem era o feliz cidadão desfilando sua alegria "apesar de..." por ali. Imediatamente me dei conta que precisava voltar ao meu estado normal. Eu também sou uma cidadã que se alegra "apesar de" ou melhor "por causa de".
Se o calor é infernal ou as coisas andam difíceis também tenho muito mais motivos para me sentir bem.
Aquele anônimo me deu uma "situada". Fui a uma consulta médica e fui até capaz de fazer ouvidos moucos para uma mulher que reclamava sem parar de tudo e de todos sentada à minha frente. Fui recebida com um sorriso acolhedor por meu médico, saí da consulta e fui saudada pela mãe- natureza.
Uma chuva deliciosa de verão me esperava na rua. Dispensei o guarda-chuva de florinhas cor-de-rosa e deixei a água me lavar a alma (não faço escova nem chapinha!!!).
Hoje eu não chorei junto com o céu. A chuva me iluminou o dia.
publicado por Ana Paula Motta às 21:36
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 2 de Março de 2009


A vida estava se tornando algo tão insuportável que andava sonhando em mudar-se para o mundo da fantasia.

Com asas e bagagens...

publicado por Ana Paula Motta às 23:04
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13

15
16
18
19
20
21

22
24
25
26
27

29
30


últ. comentários
Rs, muita tinta
Sofre do mesmo pânico: os espelhos e os fios branc...
Obrigada, pela visita. O filme é mesmo muito bom.
Já vi e adorei o filme :)
No Rio de Janeiro.
Ahahahaha!
E em que sítio do Brasil fica essa biblioteca?
Obrigada, Aninha. O que seria de mim sem as amigas...
Amanhã é um outro dia e o sol volta a brilhar, que...
Gosta de escrever textos sobre e Televisão? Tem id...
Wal , sempre tão atenciosa e carinhosa e eu em fal...
A doce Aninha enfeitando minha tarde de domingo.Bj...
Aninha, esse micro conto nasceu de lembranças e ta...
Haja o que houver, essas duas lágrimas fujonas são...
Shayana, obrigada pela visita e pelo comentário. B...
Ana gostei muito...
Um dia Ana, tb acredito nisso :-)um abraço deste l...
Wal sempre tão atenciosa e carinhosa nos comentári...
Ana, ainda vamos ver um filme desses juntas, com u...
Ana, foi esse momento do filme e do teu conto!! En...
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro