Ando sempre atrasado, mas aqui tinha que ser o primeiro a comentar. Só quem nunca escreveu cartas de amor é ridículo. Com ou sem pessoa, tempartes do seu blog que, por vezes, são autênticas cartas de amor.
beijos
Luis Bento a 1 de Agosto de 2009 às 23:47

Aluap, o Bento veio na frente...
então mudo um poquito rsrs seus escritos são lembretes de que o amor existe.
bjs
Jane Nunes a 2 de Agosto de 2009 às 03:22

Também participei da blogagem coletiva...e estou adorando conhecer novos blogs.

Adoro cartas de amor...

Um abraço carinhoso
Tatiana a 2 de Agosto de 2009 às 10:02

Gosto muito desses versos de Pessoa!

Um bom dia!
Patrícia a 2 de Agosto de 2009 às 11:11

Muito linda a tua participação viu...adorei!
Também peguei este coletivo...rs
Um grande beijo e até mais!
Boas energias!
Mari
Mari Amorim a 2 de Agosto de 2009 às 11:44

Luís, não é por acaso que digo que é o meu mais assíduo e brilhante cometarista. Mas tem razão, há vários meios de escrever cartas de amor...
Ana Paula Motta a 2 de Agosto de 2009 às 11:56

Janoca, sempre com esses mimos,rs. Tem que procurar,mas que existe,existe...
Ana Paula Motta a 2 de Agosto de 2009 às 11:57

Tatiana e Mari, agradeço a visita e vou retribuir. Voltem sempre...
Ana Paula Motta a 2 de Agosto de 2009 às 12:00

Patrícia, sua visita é sempre bem vinda e Pessoa é sempre Pessoa.
Ana Paula Motta a 2 de Agosto de 2009 às 12:01

Muito legal a tua participação!
Também estou nessa...um beijão!
Serena Flor a 2 de Agosto de 2009 às 13:40